“Nietzsche, una ética de la superficie” (Alfredo Abad)

El profesor de la UTP habla de ese tema tan esencial en Nietzsche, y actualizado por Cioran a su manera: la ética de la superficie, “por exceso de profundidad”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s