“Reflections on the Pandemic and the Future” – Yuval Noah HARARI | Tokyo Metropolitan University

https://www.youtube.com/watch?v=OZNCItia-xk In late January 2022, two years into the pandemic, Yuval Noah Harari was hosted by Tokyo Metropolitan University for a discussion on the global implications of COVID-19, and where we might go from here. The event included a conversation with the Governor of Tokyo, Yuriko Koike, and a Q&A with the university's students and… Continue lendo “Reflections on the Pandemic and the Future” – Yuval Noah HARARI | Tokyo Metropolitan University

“O pensamento de Nishitani e o Budismo” – Hisao MATSUMARU

O ponto de partida do pensamento de Nishitani Pretendo esclarecer o fundamento daquilo que penso ser o ponto de partida do pensamento presente nas duas obras centrais de Keiji Nishitani (1900-1990), a saber, Shukyo to wa nani ka (O que é a religião) (Nishitani, 1961) e Zen no tachiba (O ponto de vista do Zen)… Continue lendo “O pensamento de Nishitani e o Budismo” – Hisao MATSUMARU

“Como Devemos Viver?” – Dōgen ZENJI

Um dos maiores praticantes religiosos e filósofos do Oriente, Eihei Dogen Zenji (1200-1253) foi fundador da Escola Soto de Zen Budismo. https://www.youtube.com/watch?v=tEPDdj4mvZA Citações e poemas do livro “Zen Poetry of Dogen”. Como grande pensador e escritor, ele estava profundamente envolvido nos métodos monásticos e na integração da realização Zen na vida diária. O pensamento de… Continue lendo “Como Devemos Viver?” – Dōgen ZENJI

How Japanese people came to hate religions | Let’s Ask Shogo

In Japan, it is very common for someone’s legitimate activities or businesses to be criticized as a “宗教 religion” and that he/she is deceiving the “信者 believers” to pay them money. For example, right after the membership features on YouTube was released in Japan and many famous YouTubers started using the system, there were people… Continue lendo How Japanese people came to hate religions | Let’s Ask Shogo

A Mente Zen – Shunryu SUZUKI

https://www.youtube.com/watch?v=qzuBU8UiFU0 Citações e trechos do livro Mente Zen, Mente de Principiante, de Shunryu Suzuki. Monge, filósofo e mestre do budismo Sōtō Zen, Shunryu Suzuki, ou Suzuki Roshi (1905 - 1971) foi um dos professores espirituais mais influentes do século XX. Profundamente respeitado no Japão, Suzuki deixou seu país e foi para os Estados Unidos em… Continue lendo A Mente Zen – Shunryu SUZUKI

Tudo Muda – Shunryu SUZUKI

Visto do exterior, cada ser é um acidente, uma mentira (salvo no amor, mas o amor se situa fora do conhecimento e da verdade). Talvez devêssemos olhar-nos de fora, mais ou menos como olhamos para os outros, e tentar não ter nada em comum com nós mesmos: se, em relação a mim, eu me portasse… Continue lendo Tudo Muda – Shunryu SUZUKI

“O nada absoluto no Zen em Eckhart e em Nietzsche” – Shizuteru UEDA

Natureza Humana, 10(1): 165-202, jan.-jun. 2008 O texto que será tomado aqui como ponto de partida é do século 12 e foi traduzido para o alemão por Der Ochs und sein Hirte. Eine altchinesische Zen-Geschichte (“O Boi e seu Pastor. Uma antiga história zen”).4 Este texto é ainda bastante usado no círculo zen japonês. Ele apresenta explicitamente o… Continue lendo “O nada absoluto no Zen em Eckhart e em Nietzsche” – Shizuteru UEDA

“Nostalgia”, de Mircea Cărtărescu, em língua japonesa

Foi recentemente publicado no Japão, graças ao notável tradutor Sumiya Haruya, Nostalgia, romance do escritor romeno Mircea Cărtărescu. Sumiya Haruya nasceu em 1931, na província de Gunma, em uma família de criadores de bicho-da-seda. Em 1953, graduou-se na Faculdade de Língua e Literatura Francesa da Universidade de Tóquio. Desde os anos 1970, Sumiya Haruya tem… Continue lendo “Nostalgia”, de Mircea Cărtărescu, em língua japonesa

“Cioran, « apatride métaphysique » exilé dans le style” (Vincent Teixeira)

福岡大学人文論叢 [Fukuoka University Humanities], LI / III, 701-737, Dezembro de 2019 [PDF] Nascido na França, Vincent Teixeira (1969) é crítico literário, ensaísta e professor da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade de Fukuoka, Japão. Quelque part et quoi qu’il se passe, nous ne cessons d’« être »des étrangers. Sans qu’il y ait une vraie patrie… Continue lendo “Cioran, « apatride métaphysique » exilé dans le style” (Vincent Teixeira)

“Budismo e Modernidade no Século XXI” (Joaquim Monteiro)

https://www.youtube.com/watch?v=G9tLVuGZL1A&feature=youtu.be No último encontro deste módulo, o monge budista Joaquim Monteiro, abordará os desafios que a modernidade ocidental apresenta ao budismo, especialmente as questões referentes ao desenvolvimento técnico-científico que dominam, de forma avassaladora, sociedades budistas tradicionais, tais como as do Japão, Coreia e China. Ver também: Tokyo Noise (2002), documentário artístico-investigativo que retrata a cidade… Continue lendo “Budismo e Modernidade no Século XXI” (Joaquim Monteiro)