“Silogismos de Cioran operam entre filosofia e poesia” – Régis BONVICINO

Folha de S. Paulo, 2 de março de 1991 SILOGISMOS DA AMARGURA de E. M. Cioran. Tradução de José Thomaz Brum. Editora Rocco (rua da Assembléia, 10 gr3101. Rio de Janeiro. CEP 20011. fone 021 2245859. Lançamento previsto para segunda semana de março. Em "Silogismos da Amargura", escrito em 1952, o filósofo heterodoxo E. M.… Continue lendo “Silogismos de Cioran operam entre filosofia e poesia” – Régis BONVICINO

Publicidade

“Filosofía felina” (John Gray) – Lautaro DAPELO

Este video es una reseña del libro de John Gray titulado Filosofía Felina. Los gatos y el sentido de la vida. https://www.youtube.com/watch?v=nQZJsd48lTM Filosofía en red es un proyecto presente en varias redes sociales cuyo objetivo es generar espacios de aprendizaje, difusión y discusión de temas filosóficos. Tenemos clases subidas a YouTube y otros videos que… Continue lendo “Filosofía felina” (John Gray) – Lautaro DAPELO

Resenha: “A religião gnóstica” de Hans Jonas (primeira edição portuguesa) – Rodrigo MENEZES

Surge pela primeira vez em língua portuguesa, publicado pela editora da Universidade de Lisboa, com tradução de Ana Maria Pereirinha, o seminal livro de Hans Jonas sobre gnosticismo, fruto do seu doutorado orientado por Martin Heidegger, no qual Jonas se propunha a fazer uma leitura existencialista da heresia gnóstica e, inversamente, uma leitura gnóstica do… Continue lendo Resenha: “A religião gnóstica” de Hans Jonas (primeira edição portuguesa) – Rodrigo MENEZES

Resenha: “A Igreja Universal e seus Demônios”, de Ronaldo Almeida – Ana Carolina Capellini RIGONI; Hugo Ricardo SOARES

PLURA - Revista de Estudos de Religião, vol.2, nº 1, 2011, p.204-208 ALMEIDA, Ronaldo. A Igreja Universal e seus demônios: um estudo etnográfico. São Paulo: Editora Terceiro Nome, 2009,152p., ISBN 978-85-78160-34-0. Ronaldo de Almeida é antropólogo, professor doutor do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp e se destaca por seus estudos sobre religiões… Continue lendo Resenha: “A Igreja Universal e seus Demônios”, de Ronaldo Almeida – Ana Carolina Capellini RIGONI; Hugo Ricardo SOARES

Comentarios al libro “Influencias culturales francesas y alemanas en la obra de Cioran” de Ciprian Vălcan – Francisco Pamplona RANGEL

FILHA - Revista Digital de la Unidad Académica de Docencia Superior, Universidad Autónoma de Zacatecas, Julio-diciembre 2022, número 27. ISSN: 2594-0449. La obra del rumano-francés Emil Cioran o como lo conocimos en español hace más de 40 años E. M. Cioran, es una de las más elusivas y más lúcidas en la historia del pensamiento del… Continue lendo Comentarios al libro “Influencias culturales francesas y alemanas en la obra de Cioran” de Ciprian Vălcan – Francisco Pamplona RANGEL

“As velhinhas e o diabo: aforismos para tempos que esperam pelo despertar da história” – Rodrigo MENEZES

Revista Humanitas, 154, agosto de 2022 O que pareceria uma associação improvável, representada no título do novo livro de Ciprian Vălcan, revela-se, através dos aforismos do autor romeno, a metáfora de uma terrível “afinidade eletiva” Things are gonna slidein all directionsWon’t be nothing, nothingyou can measure anymoreAnd the blizzard of the worldhas crossed the thresholdand… Continue lendo “As velhinhas e o diabo: aforismos para tempos que esperam pelo despertar da história” – Rodrigo MENEZES

“Breviário de Decomposição (1949): livro perigoso e essencial” – Rodrigo MENEZES

Ter um Cioran em casa é a antítese de ter uma arma de fogo. No caso de possuir as duas coisas juntas, se o leitor pegasse o livro em vez do revólver, perderia toda motivação de usar o revólver, contra si mesmo ou contra outrem: é um dispositivo de segurança contra tragédias (que se aproveitam… Continue lendo “Breviário de Decomposição (1949): livro perigoso e essencial” – Rodrigo MENEZES

“Leastness: The Essence of Samuel Beckett” – George STEINER

The New Yorker, September 8, 1996 Can biography elucidate Samuel Beckett’s austere art? The fire caught in 1945, after Samuel Beckett’s grim experiences, first in the French Resistance and in hiding, then as a medical orderly at Saint-Lô. Very much in the manner of Dante, his guardian spirit, Beckett was lit by a vision. “Krapp’s… Continue lendo “Leastness: The Essence of Samuel Beckett” – George STEINER

“Is Starvation a Performing Art?” – Shoma A. CHATTERJI

The Citizen, India, 21 April, 2022 Hunger wears many faces and the variety and versatility of hunger is as incredible as it is voluminous. The word “hunger” immediately links us to biological and physical hunger for food which is a real problem for millions of people across the world. But there is a strong emotional… Continue lendo “Is Starvation a Performing Art?” – Shoma A. CHATTERJI

“«O Livro das Ilusões», de Cioran, lido por Mihail Sebastian: o estranho caso do «convalescente que aspira à doença»” – Rodrigo MENEZES

De suas primeiras obras, ainda mal conhecidas entre nós, sublinho O livro das ilusões (Cartea amăgirilor), a que daria o subtítulo de um de seus capítulos: Mozart e a melancolia dos anjos. Considero aquelas páginas uma fantasia para cordas, como se fosse o primo consanguíneo de A origem da tragédia, nas grandes linhas melódicas que unem e separam as… Continue lendo “«O Livro das Ilusões», de Cioran, lido por Mihail Sebastian: o estranho caso do «convalescente que aspira à doença»” – Rodrigo MENEZES