TĂ©dio como vazio de significado pessoal – Lars SVENDSEN

Beckett escolheu a distorção, isto Ă©, a arte. A antĂ­tese que ele propĂ”e entre isolamento honesto e sociabilidade desonesta e a inevitĂĄvel falta de comunicação que resulta de ambas pode servir como definição de toda a sua obra. Como ele tambĂ©m diz: "Estamos sĂłs. NĂŁo podemos conhecer e nĂŁo podemos ser conhecidos." Todo gesto extrovertido… Continue lendo TĂ©dio como vazio de significado pessoal – Lars SVENDSEN