“Los Cátaros: su historia y legado” – Sergi Grau TORRAS

Descubre la fascinante historia de los cátaros en la conferencia inaugural del ciclo 'Los cátaros: historia, pensamiento y mitos'. El profesor Sergi Grau Torras explora los orígenes de esta herejía medieval y su impacto en la Europa occidental durante los siglos XII y XIII. Conoce las comunidades cristianas alternativas, sus ritos y costumbres, así como… Continue lendo “Los Cátaros: su historia y legado” – Sergi Grau TORRAS

Publicidade

“A Negativa de Procriar” e outros textos: uma antologia antinatalista de Cioran

Uma antologia de aforismos e fragmentos ensaísticos pautados, direta ou indiretamente, pelo tema do antinatalismo. Cumpre assinalar que Cioran nunca empregou o "ismo" em questão, já que desconfiava das palavras-estandarte que designam tendências e modas culturais, ideologias e doutrinas proselitistas, dir-se-ia "evangelizadoras" (religiosas ou seculares), sempre farsas e imposturas para uso de rebanhos, "tribos", grupinhos… Continue lendo “A Negativa de Procriar” e outros textos: uma antologia antinatalista de Cioran

“Cioran, Plotino e a gnose” – Jérôme LAURENT

In: TACOU, L .; PIEDNOIR, V. (eds.), Cahier L’Herne Cioran. Paris: L’Herne, 2009, p. 264-270. [PDF]  “Ninguém é mais religioso do que eu. Nem menos. Estou mais perto e mais longe do Absoluto do que qualquer um”, escreveu Cioran em seus Cahiers, em 1966. Pode-se dizer que ninguém foi, no século XX, mais gnóstico do… Continue lendo “Cioran, Plotino e a gnose” – Jérôme LAURENT

“No início era a crise” – Marilia FIORILLO

Quanto mais o universo parece ser compreensível, mais ele se mostra sem objetivo.STEVEN WEINBERG, Os três primeiros minutos Os estudiosos de toda parte do mundo que se encontrariam em 1966 na Sicília para discutir o gnosticismo também desencadearam uma pequena guerra de opiniões, mais suave que a dos primeiros padres. O desfecho do encontro histórico… Continue lendo “No início era a crise” – Marilia FIORILLO

LO BOIÈR (“O PASTOR”) – Música Cátara

"Lo Boièr" é a canção identitária da Occitânia e talvez a única composição musical cátara que sobreviveu para ser conhecida. Tem ligações profundas com a Cruzada Albigense que exterminou não apenas os Cátaros, mas toda a Occitânia, uma civilização inteira que havia produzido a flor da cultura medieval. Sendo toda guerra religiosa uma guerra política,… Continue lendo LO BOIÈR (“O PASTOR”) – Música Cátara

A Negativa de Procriar e outros textos: Manifesto Gnóstico-Antinatalista

Se o mundo per se já oferece muitas razões para pessimismo, um mundo de Bolsonaros, Trumps e Orbans e Putins só faz confirmar o "élan em direção ao pior" que arrasta a História, esse "antídoto contra a utopia". "A história, espaço onde realizamos o contrário de nossas aspirações, onde as desfiguramos sem cessar, não é,… Continue lendo A Negativa de Procriar e outros textos: Manifesto Gnóstico-Antinatalista

“Bogomils: From Satanail to Satan” (Alexander Maistrovoy)

The God Above God, Oct 4, 2020 Dualistic religions did not occur in the steady, stable, and trouble-free states. They acquired strength only in places with an inordinate accumulation of suffering and where the darkness was so deeply condensed that the very earthly existence and all benevolent intentions became pointless. Where God and Satan swapped… Continue lendo “Bogomils: From Satanail to Satan” (Alexander Maistrovoy)

Ceticismo, fragmento e lucidez: “Emil Cioran. A Filosofia como Desfascinação e a Escritura como Terapia”, de Vincenzo Fiore [pt. 3] (Rodrigo Inácio R. Sá Menezes)

Na primeira parte do livro, “Uma juventude entre desespero e fervor político”, Fiore perfaz o itinerário de formação do jovem Cioran na Romênia da década de 30, explorando a dualidade de uma juventude dividida entre o desespero existencial e o fervor político. Não se faz política nos cumes do desespero. Schimbarea la faţă a României â€“ libelo político… Continue lendo Ceticismo, fragmento e lucidez: “Emil Cioran. A Filosofia como Desfascinação e a Escritura como Terapia”, de Vincenzo Fiore [pt. 3] (Rodrigo Inácio R. Sá Menezes)

Ceticismo, fragmento e lucidez: “Emil Cioran. A Filosofia como Desfascinação e a Escritura como Terapia”, de Vincenzo Fiore [I] – Rodrigo MENEZES

FIORE, Vincenzo. Emil Cioran. La filosofia come de-fascinazione e la scrittura come terapia. Piazza Armerina/Enna: Nulla Die, 2018, 187 pp. A Itália é um dos países mais produtivos, atualmente, no que se refere à fortuna crítica cioraniana. Todo ano são publicados novos estudos, produções acadêmicas e editoriais, além de correspondências epistolares inéditas do próprio Cioran.[1]… Continue lendo Ceticismo, fragmento e lucidez: “Emil Cioran. A Filosofia como Desfascinação e a Escritura como Terapia”, de Vincenzo Fiore [I] – Rodrigo MENEZES

“Religião como crítica: a hipótese de Deus” (Luiz Felipe Pondé)

Revista CULT, n° 64, 2002 (edição especial "Cristianismo e Modernidade") A cotidianeidade social cria uma ética do medo, ao converter a angústia, provocada pelo abismo transcendente, em uma ansiedade banal e (…). Mas ela cria também um fenômeno novo, no qual o medo está ausente e que lhe é mesmo claramente inferior: a  banalidade. Seu… Continue lendo “Religião como crítica: a hipótese de Deus” (Luiz Felipe Pondé)