“Não se pode rezar sem fazer a vontade do diabo” – E.M. CIORAN

Um rancor bem firme, bem vigilante, pode constituir, sozinho, o sustentáculo de um indivíduo: a debilidade de caráter procede, na maioria das vezes, de uma memória enfraquecida. Não esquecer a injúria é um dos segredos do êxito, uma arte que possuem sem exceção os homens de convicções fortes, pois toda convicção é feita principalmente de… Continue lendo “Não se pode rezar sem fazer a vontade do diabo” – E.M. CIORAN