“A revolução tradicionalista de Olavo de Carvalho” – Michel GHERMAN

Um espectro ronda o mundo. Um espectro antigo, mofado, reacionário. Morto sem sequer ter vivido. Neste vídeo, Michel explora o Tradicionalismo, doutrina que une nomes da extrema-direita como Steve Bannon, Aleksandr Dugin e Olavo de Carvalho. https://www.youtube.com/watch?v=8NmVUIvs0fU Michel Gherman é historiador, professor da UFRJ, coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Judaicos da universidade e pesquisador… Continue lendo “A revolução tradicionalista de Olavo de Carvalho” – Michel GHERMAN

Genealogia do Fanatismo Brasileiro – E.M. Cioran

Em si mesma, toda ideia é neutra ou deveria sê-lo; mas o homem a anima, projeta nela suas chamas e suas demências; impura, transformada em crença, insere-se no tempo, toma a forma de acontecimento: a passagem da lógica à epilepsia está consumada… Assim nascem as ideologias, as doutrinas e as farsas sangrentas. Idólatras por instinto,… Continue lendo Genealogia do Fanatismo Brasileiro – E.M. Cioran

Crer ou não crer? Eis a falsa questão, segundo Cioran

Cioran manifestou, em mais de uma ocasião, a opinião de que esta pergunta, assim formulada, é no mínimo uma pergunta mal formulada, se não uma questão fundamentalmente falsa, pertencente à esfera desses preconceitos atávicos e debilitantes que constituem a mentalidade e a cultura de um povo, ou de toda uma civilização Não é fácil falar… Continue lendo Crer ou não crer? Eis a falsa questão, segundo Cioran

Manual de instrṳ̵es para a vida РTheraminTrees

https://www.youtube.com/watch?v=kAIpRRZvnJg Você pode apoiar o canal em: https://www.patreon.com/TheraminTrees Legendas - muito obrigado a todos os contribuidores! árabe [anônimo]búlgaro [por EstrangedEstranged]—Croação [de Mladen Culic]—German [por Patrick Mächler, bCurious2 & Vasco]hebraico [por RoeyTNT]húngaro [j0hnnyj0ker0]—Italiano [por santo]Polonês [por Maciej Ślęczka, McDonough22]—Português [por Ragon]Eslováquia [por Peter Ščigulinský]—Espanhol [por ArmandoXIII]russo [por sol3michael]Turco [por um tradutor anônimo] pontuação de piano escrita… Continue lendo Manual de instruções para a vida – TheraminTrees

“Dogma, Dúvida & outras paixões ‘demasiado humanas’: Skandalon-Cioran”

https://www.youtube.com/watch?v=GVAi6kskBeg&t=2007s Cioran angariou bons amigos e boas amigas, leitores e leitoras mais ou menos distantes, e igualmente dedicados, com os quais manteve uma robusta correspondência epistolar. Mas também angariou muitos desafetos, difamadores, detratores e críticos empedernidos, inclusive no Brasil (vide Augusto Frederico Schmidt). O autor romeno de expressão francesa, espírito idiossincrático e excêntrico, é capaz… Continue lendo “Dogma, Dúvida & outras paixões ‘demasiado humanas’: Skandalon-Cioran”

“Os dogmas inconscientes” – CIORAN

Podemos até descobrir o erro de um ser, desvelar a inanidade de seus desígnios e de suas empresas; mas, como arrancá-lo de seu encarniçado apego ao tempo, quando esconde um fanatismo tão inveterado quanto seus instintos, tão antigo quanto seus preconceitos? Trazemos conosco, como um tesouro irrecusável, um monte de crenças e de certezas indignas.… Continue lendo “Os dogmas inconscientes” – CIORAN

“Aquele que diz sim, aquele que diz não: religiosidade e heresia” – Marília FIORILLO

Revista Estudos de Sociologia, v. 18, n. 34, 2013 RESUMO: Imaginação e religião entronizada são antitéticas. O dogma, cerne das grandes religiões monoteístas, nada mais é que uma diligente e metódica rejeição à curiosidade, autonomia e inventividade. É nesta relação assimétrica entre aquele que ignora, teme e suplica, e o Outro que tudo sabe e… Continue lendo “Aquele que diz sim, aquele que diz não: religiosidade e heresia” – Marília FIORILLO

Ceticismo e modo de vida (Plínio Junqueira Smith)

https://www.youtube.com/watch?v=2NxAxZrNtbg

“É preciso ser cético” (Marcio Tavares D’Amaral)

O Globo, 26/12/2015 Duvidando de todos os sins, eles têm certeza de todos os nãos Céticos são os que duvidam de tudo. Não acreditam em promessas, juras de amor, boas intenções. Olham de banda a própria realidade, que corre sob seus narizes: é falsa. Política? É lama. Políticos? Bandidos. E, evidentemente, não lhes venham com… Continue lendo “É preciso ser cético” (Marcio Tavares D’Amaral)

História do ceticismo (Bertrand Russell)

Tímon passou os últimos anos de sua longa vida em Atenas, onde morreu no ano de 235 a.C. Com sua morte, a escola de Pirro teve fim enquanto escola, mas, por mais estranho que possa parecer, suas doutrinas foram adotadas -- com algumas alterações -- pela Academia, representante da tradição platônica. O homem que realizou… Continue lendo História do ceticismo (Bertrand Russell)