“Nicolas de Staël ou a vertigem” – CIORAN

Texto publicado em 1995, na revista francesa Lire, sobre o pintor russo naturalizado francês (1914-1955), que Cioran teve a oportunidade de conhecer em seus primeiros anos vivendo na França, pouco antes do suicídio de Nicolas de Staël, em 16 de março de 1955. Trata-se de mais um dos "exercícios de admiração", incluído na edição espanhola… Continue lendo “Nicolas de Staël ou a vertigem” – CIORAN

Publicidade

Perfeccionismo, “Obsessão do Essencial” e a condição fragmentária (Cioran)

Nos Cahiers (p. 73), estas 2 anotações, uma seguida da outra: Chercher l'être avec des mots!- Tel est notre donquichottisme, tel est le délire de notre entreprise essentielle. [Buscar o ser com palavras! -- tal é o nosso donquixotismo, tal é o delírio de nossa empresa essencial.] Si jamais mortel a été tourmenté, supplicié par… Continue lendo Perfeccionismo, “Obsessão do Essencial” e a condição fragmentária (Cioran)