“As velhinhas e o diabo: aforismos para tempos que esperam pelo despertar da história” – Rodrigo MENEZES

Revista Humanitas, 154, agosto de 2022 O que pareceria uma associação improvável, representada no título do novo livro de Ciprian Vălcan, revela-se, através dos aforismos do autor romeno, a metáfora de uma terrível “afinidade eletiva” Things are gonna slidein all directionsWon’t be nothing, nothingyou can measure anymoreAnd the blizzard of the worldhas crossed the thresholdand… Continue lendo “As velhinhas e o diabo: aforismos para tempos que esperam pelo despertar da história” – Rodrigo MENEZES

“Babele și diavolul: aforisme împotriva somnambulismului istoriei” – Rodrigo MENEZES

ARCA - Revistă lunară de literatură, eseu, arte vizuale, muzică, 2/2022 Dacă fiecare ar fi „înțeles”, istoria ar fi încetat de multă vreme. Numai că sîntem cu desăvîrșire, sîntem biologic inapți "să înțelegem" . Și chiar dacă ar fi înțeles toți, în afară de unul, istoria s-ar perpetua, din pricina lui, din cauza încăpățînării lui. Din pricina unei… Continue lendo “Babele și diavolul: aforisme împotriva somnambulismului istoriei” – Rodrigo MENEZES

“Ditos & Contraditos”: Aforismos de Karl KRAUS

Apresentação Para fazer uma excelente sátira, bastadizer a maior parte das coisas como elas são.Karl Kraus, Hüben und Drüben(Do lado de cá e do lado de lá) Karl Kraus não foi apenas o maior autor satírico de língua alemã do século XX, mas chegou a ser considerado um dos maiores satiristas de todos os tempos,… Continue lendo “Ditos & Contraditos”: Aforismos de Karl KRAUS

“Relámpagos de lucidez: el arte del aforismo” – Javier RECAS

Madrid: Biblioteca Nueva, 2014. 344 p., 23 cm. (Colección Ensayo). ISBN: 978-84-9940-509-4. 1. Aforismos 2. Máximas 3. Sentencias 4. Filosofía occidental 5. Filosofía oriental 6. Literatura. [PDF] Menos es más(prólogo) En muchas ocasiones «menos es más» es una sabia sentencia tan elogiada como poco cultivada. Por desgracia, la simplicidad y la concisión han sido frecuentemente… Continue lendo “Relámpagos de lucidez: el arte del aforismo” – Javier RECAS