“Parisian Buddhism: Cioran’s exercises” – Peter SLOTERDIJK

The last figure I wish to present in these introductory reflections, the Romanian aphorist Emile M. Cioran, who was born in 1911 and lived in Paris from 1937 to 1995, is likewise part of the great turn that is at issue here. He is an important informant for us, because one can see in his… Continue lendo “Parisian Buddhism: Cioran’s exercises” – Peter SLOTERDIJK

“O prior da Ordem da Santa Temeridade” – Peter SLOTERDIJK

A obra de Cioran pode ser considerada como um conjunto de exercícios, a meio caminho entre ginástica e ascese, experimentando todas as posições do homem sem posição.  Parece-me que a melhor maneira de abordar o fenômeno Cioran é escolher como fios condutores duas proposições de Nietzsche: “Quem se despreza, ainda preza a si mesmo como… Continue lendo “O prior da Ordem da Santa Temeridade” – Peter SLOTERDIJK