“Irredentist Existentialism: Fondane and Shestov” – Frank BOWMAN

Yale French Studies, 1955, No. 16, Foray Through Existentialism (1955), pp. 111-117 [PDF] Merleau-Ponty has entered the College de France, Existentialism has become quite fully accredited at the Sorbonne, and even in this country the fog of logical positivism and Dewey's comfortable words seem at last to be slackening their grip. Some find this upsetting… Continue lendo “Irredentist Existentialism: Fondane and Shestov” – Frank BOWMAN

“Fondane e Cioran: dois escritores perante a «revolução»” – Giovanni ROTIROTI

Nos acessos de desespero, o único recurso salutar é o apelo a um desespero ainda maior. Quando nenhuma consolação razoável é eficaz, é preciso agarrar-se a uma vertigem que rivaliza com a sua, que chega até a superá-la. A superioridade que a negação tem sobre qualquer forma de fé explode nos momentos em que o… Continue lendo “Fondane e Cioran: dois escritores perante a «revolução»” – Giovanni ROTIROTI