“Cioran profetiza os fracassos das utopias” (Marcelo Coelho)

Folha de S. Paulo, caderno "Ilustrada", 31 de agosto de 1994 Os pessimistas costumam ser bons profetas. Pessimista profissional, pessimista voluptuoso e maníaco, o escritor francês de origem romena E.M. Cioran é conhecido do público brasileiro pelos seus "Silogismos da Amargura" e pelo "Breviário de Decomposição", ambos publicados pela editora Rocco. Acaba de sair, na… Continue lendo “Cioran profetiza os fracassos das utopias” (Marcelo Coelho)