FILANTROPICA (2002), de Nae Caranfil

Cinema romeno. O filme retrata uma máfia que institui em Bucareste uma mendicância organizada. Pepe é um empresário que profissionaliza os mendigos da capital romena, atribuindo-lhes novas identidades, histórias de vida e especialidades diversas. Ao final do dia, seus empregados passam recolhendo a comissão da organização. Ovidiu, professor de literatura e poeta, ganhando pouco e… Continue lendo FILANTROPICA (2002), de Nae Caranfil