“O pensador de ocasião” – E.M. CIORAN

Há um duplo sentido implícito na fórmula: "Pensador de ocasião" tanto no sentido de não sê-lo por profissão ou por qualquer formalidade exterior, senão ocasionalmente, por acidente, ao ritmo de seus padecimentos e de suas tristezas, como também no sentido da expressão idiomática francesa que significa "usado", "de segunda mão", como os livros vendidos e… Continue lendo “O pensador de ocasião” – E.M. CIORAN

“As vantagens da debilidade e o pensador de ocasião, em Emil Cioran” (Rossano Silva Queiroga)

Revista Extemporânea, Ano I, No. I, Mar/2013 - ISSN 2318-0293, Campina Grande-PB Resumo: O presente artigo tem por objetivo investigar, a partir de Breviário de decomposição (1949), a proposta, lançada por Cioran, que destaca “o pensador de ocasião” como fundamento que revela o interior de sua filosofia, que por sua vez, baseia-se nos paroxismos orgânicos como forma vital para o… Continue lendo “As vantagens da debilidade e o pensador de ocasião, em Emil Cioran” (Rossano Silva Queiroga)