“O terrorismo de Estado” – CAMUS

Todas as revoluções modernas resultaram num fortalecimento do Estado. 1789 traz Napoleão; 1848, Napoleão III; 1917, Stalin; os distúrbios italianos da década de 1920, Mussolini; a república de Weimar, Hitler. Essas revoluções, sobretudo depois que a Primeira Guerra Mundial liquidou os vestígios do direito divino, propuseram, entretanto, com uma audácia cada vez maior, a construção… Continue lendo “O terrorismo de Estado” – CAMUS

Publicidade

Lançamento do livro: “O não judeu judeu”, de Michel GHERMAN

Debate com o autor, acompanhado de Bianca Santana e Christian Dunker, na Livraria da Travessa, em Pinheiros, SP. https://www.youtube.com/watch?v=2_nU4Lu1S-E O não judeu judeu: A tentativa de colonização do judaísmo pelo bolsonarismo (Fósforo, 2022) Em 2017, manifestantes se reuniram na porta da Hebraica do Rio de Janeiro para protestar contra uma palestra que aconteceria no clube. Do… Continue lendo Lançamento do livro: “O não judeu judeu”, de Michel GHERMAN

“O Niilista do Século” – Rodrigo MENEZES

São muitas as análises, das superficiais às mais elaboradas, que inscrevem a obra de Cioran sob o signo do niilismo. Um dos capítulos do livro de Franco Volpi, O Niilismo, é dedicado a Cioran e Bataille conjuntamente.[1] Ioan P. Culianu, historiador das religiões romeno, segue a mesma linha interpretativa de Volpi, atribuindo a Cioran um… Continue lendo “O Niilista do Século” – Rodrigo MENEZES

O conto budista que nos ensina a ignorar quem nos machuca

O que Buda ensina com essa história? https://www.youtube.com/watch?v=7Hb9glTFKOI&t=12s O sincero e o justo não vê motivos para reagir às ofensas. Essas tem uma fonte, uma origem. Elas provêm da imagem que uma mente distorcida pode ter, e não da realidade dos fatos. Então, se alguém se comportar mal com você, não deixe sua atitude alterar… Continue lendo O conto budista que nos ensina a ignorar quem nos machuca

Estratégia de comunicação da direita alternativa se alimenta do hiato geracional – Wilson Roberto VIEIRA FERREIRA

CINEGNOSE - Cinema Secreto, 19/06/2021 Dois eventos sincrônicos: no Brasil, a motociata convocada por Bolsonaro com seis mil motos de luxo de alta cilindrada montada, em sua maioria, por “tiozões”, brancos, com jaquetas de couro preto emulando a gang famosa dos Hell’s Angels, perfil dos atuais apoiadores do presidente que saem às ruas; e na… Continue lendo Estratégia de comunicação da direita alternativa se alimenta do hiato geracional – Wilson Roberto VIEIRA FERREIRA

Pós-Metafísica, Pós-Modernidade, Pós-História, Pós-Humanismo: em diálogo com Kerstin Borchhardt sobre a recepção cioraniana de Nietzsche

Portal E.M. Cioran Brasil, 7 de junho de 2021[1] Kerstin BORCHHARDT é filósofa e historiadora da arte, doutora em História da Arte pela Universidade Friedrich-Schiller, em Iena, onde obteve bolsas de estudo de importantes instituições como Studienstiftung des deutschen Volkes, Gerda Henkel Stiftung e Fritz Thyssen Stiftung. Lecionou na Universidade de Erfurt de 2013 a… Continue lendo Pós-Metafísica, Pós-Modernidade, Pós-História, Pós-Humanismo: em diálogo com Kerstin Borchhardt sobre a recepção cioraniana de Nietzsche

“Niilismo e Ressentimento” – Antônio Edmilson Paschoal / Eli Vagner Francisco Rodrigues

https://www.youtube.com/watch?v=COTwH8Egubk Mesa de abertura do V Colóquio Internacional Nietzsche. O tema da mesa foi "Niilismo e Ressentimento". Abertura:Dr. Oswaldo Giacoia Junior (Unicamp) Expositores:Dr. Antônio Edmilson Paschoal (PUC-PR)Dr. Eli Vagner Francisco Rodrigues (Unesp-Bauru) O V Colóquio Internacional Nietzsche ocorreu entre os dias 16 e 17 de outubro de 2013 no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas… Continue lendo “Niilismo e Ressentimento” – Antônio Edmilson Paschoal / Eli Vagner Francisco Rodrigues

“O prior da Ordem da Santa Temeridade” – Peter SLOTERDIJK

A obra de Cioran pode ser considerada como um conjunto de exercícios, a meio caminho entre ginástica e ascese, experimentando todas as posições do homem sem posição.  Parece-me que a melhor maneira de abordar o fenômeno Cioran é escolher como fios condutores duas proposições de Nietzsche: “Quem se despreza, ainda preza a si mesmo como… Continue lendo “O prior da Ordem da Santa Temeridade” – Peter SLOTERDIJK