Em busca de um “não-homem”: niilismo, anti-humanismo e mística negativa – Entrevista com Ştefan Bolea (Romênia)

Ştefan Bolea é pesquisador na Faculdade de Letras da Universidade Babeș-Bolyai de Cluj-Napoca, Romênia. Além disso, é editor da conceituada revista literária Apostrof, co-fundador e editor-chefe do e-zine cultural EgoPHobia (www.egophobia.ro). Ştefan Bolea obteve seu segundo doutorado summa cum laude em Literatura Comparada, em 2017 (após um primeiro em Filosofia, em 2012), com uma investigação… Continue lendo Em busca de um “não-homem”: niilismo, anti-humanismo e mística negativa – Entrevista com Ştefan Bolea (Romênia)

“La crisis del hombre de hoy” – Ernesto SÁBATO

Ernesto Sabato, magistral disertación sobre la crisis del hombre en el Siglo XX y XXI. https://www.youtube.com/watch?v=RMGuyqAG0pA RELACIONADO:

Ernesto Sábato: entrevista no Roda Viva (1994)

https://www.youtube.com/watch?v=EhQalhY156I Doutor em física e matemática, escritor, militante pelos direitos humanos e pintor, o convidado deste Roda Viva é um dos mais expressivos personagens do cenário cultural da América Latina: o argentino Ernesto Sábato. Mais: retrato de Cioran por Ernesto Sábato

Filosofia da Animalidade, Vitalismo e Mortalismo, Cioran na Argentina e o “Nada Sulamericano”: em diálogo com Gustavo Romero (Argentina)

A terceira live tertúlia de 2021, realizada em 28 de maio e transmitida no YouTube, contou com a presença de Gustavo Romero, filósofo e professor da Universidad de Buenos Aires (UBA) https://www.youtube.com/watch?v=l4vjoZiGGbI&t=5411s Além dos comentários contextuais e metateóricos acerca da recepção da obra de Cioran na Argentina, dentro e fora da Academia, Gustavo teceu importantes… Continue lendo Filosofia da Animalidade, Vitalismo e Mortalismo, Cioran na Argentina e o “Nada Sulamericano”: em diálogo com Gustavo Romero (Argentina)

Cioran e o “Nada sulamericano”, a fascinação do Tango e a Filosofia como desfascinação: Live Tertúlia com Gustavo ROMERO (Argentina)

Cioran manteve estreitas ligações intelectuais e afetivas com a Argentina, entre outros países nas periferias da Europa, de onde ele nunca saiu (diferentemente de Camus e outros). Fez amizade com Ernesto Sabato, que o visitava em Paris, e que dedicaria um capítulo em sua autobiografia, Antes do Fim, à memória do amigo romeno. No seu… Continue lendo Cioran e o “Nada sulamericano”, a fascinação do Tango e a Filosofia como desfascinação: Live Tertúlia com Gustavo ROMERO (Argentina)

“O Princípio de Crueldade” – Clément ROSSET

Intérprete do pensamento trágico, Clément Rosset defende a idéia de que toda realidade é cruel. Essa “ética da crueldade” se baseia em dois princípios que são o objeto principal deste livro. O primeiro, o princípio de realidade suficiente: o real basta e dele nada escapa, posto que é real. Cabe aos homens se contentar e… Continue lendo “O Princípio de Crueldade” – Clément ROSSET

“O Drácula do ceticismo” – Sérgio AUGUSTO

O Estado de S. Paulo, 9 de abril de 2011 Misantropos e descrentes do mundo inteiro!, aproximem-se para celebrarmos juntos, com um dia de atraso, o centenário de Emil Cioran, o último agente provocador da filosofia, o mais desconcertante e divertido dos céticos, o mais fulgurante militante do pessimismo, o mais implacável profeta do niilismo,… Continue lendo “O Drácula do ceticismo” – Sérgio AUGUSTO

Relato de um encontro: E.M. Cioran, por Ernesto Sábato

Sobre estes e outros temas conversei longamente com Cioran, em uma tarde de 1989. Anos atrás me chegaram notícias do desejo que ele tinha de me conhecer; insistência que interpretei como mensagens crípticas, reiteradas em distintas oportunidades. Combinamos um encontro em sua casa da rua Odeón, a poucos passos do meu hotel no Boulevard Saint-Germain.… Continue lendo Relato de um encontro: E.M. Cioran, por Ernesto Sábato