“Crimes do futuro: o grotesco-chic da distopia de David Cronenberg” – Rodrigo MENEZES

Esgotados os modos de expressĂŁo, a arte se orienta para o sem-sentido, para um universo privado e incomunicĂĄvel. Todo estremecimento inteligĂ­vel, tanto em pintura como em mĂșsica ou em poesia, nos parece, com razĂŁo, antiquado ou vulgar. O pĂșblico desaparecerĂĄ em breve; a arte o seguirĂĄ de perto.Uma civilização que começou com as catedrais tinha… Continue lendo “Crimes do futuro: o grotesco-chic da distopia de David Cronenberg” – Rodrigo MENEZES

Publicidade

“O que o futuro espera de nĂłs?” – Lucia SANTAELLA | CafĂ© FilosĂłfico CPFL

Quando interrogamos o passado, a histĂłria nos ajuda com soluçÔes encontradas antes para questĂ”es do presente. Mas Ă© a ferramenta da futurologia que nos ajuda a pensar quem podemos e quem queremos ser, quando o futuro chegar. https://www.youtube.com/watch?v=NWdD0mq_Ia4 Se a tecnologia, por vezes, nos ajuda a sermos mais inteligentes e eficientes, mais potentes e menos… Continue lendo “O que o futuro espera de nĂłs?” – Lucia SANTAELLA | CafĂ© FilosĂłfico CPFL

“Google, Big Data e o fim do livre arbĂ­trio” – Yuval Noah HARARI

Financial Times, 26 de agosto de 2016 Esqueça esse papo de ouvir a si mesmo. Na era da informação, os algoritmos tĂȘm a resposta, escreve o historiador Yuval Noah Harari Durante milhares de anos os seres humanos acreditaram que a autoridade vinha dos deuses. Depois, na era moderna, o humanismo gradualmente transferiu a autoridade das… Continue lendo “Google, Big Data e o fim do livre arbĂ­trio” – Yuval Noah HARARI