“Do inconveniente de ter escrito” – Cassionei Niches PETRY

Digestivo Cultural, 09/09/2015 Dia desses, provocado por muitos elogios sobre seu primeiro livro, li um romance de um escritor da nova geração da literatura brasileira. A leitura, no entanto, me decepcionou. Desde o prefácio, que demonstra um escritor medroso, como que se desculpando por ter trabalhado determinado tema, passando por algumas incoerências narrativas e uso… Continue lendo “Do inconveniente de ter escrito” – Cassionei Niches PETRY

“Pesquisador americano analisa doutrina ideológica que une ‘gurus’ de governos do Brasil, EUA e Rússia” – Ciro Barros

A Pública, 29 de junho de 2020 Segundo Benjamin Teitelbaum, da Universidade do Colorado, Olavo de Carvalho, no Brasil, Aleksandr Dugin, na Rússia, e Steve Bannon, nos EUA, são adeptos do tradicionalismo, “a completa rejeição política, ideológica e espiritual do status quo” Há um paralelo a ser feito entre os governos de Rússia, Estados Unidos… Continue lendo “Pesquisador americano analisa doutrina ideológica que une ‘gurus’ de governos do Brasil, EUA e Rússia” – Ciro Barros

“Deus no pensamento de Bergson” – Franklin Leopoldo e Silva

Revista Cult, nr. 131, dezembro de 2009 O que habitualmente chamamos de condição humana é basicamente determinado, segundo Bergson, pela natureza. A partir da aceitação das linhas gerais da teoria da evolução, Bergson afirma que a natureza teria seguido dois caminhos paralelos com a mesma intenção de desenvolver e preservar a vida. De um lado,… Continue lendo “Deus no pensamento de Bergson” – Franklin Leopoldo e Silva

“Discursos do silêncio” – Guilherme Castelo Branco

Jornal do Brasil, 28 de março de 1987 Clement Rosset, autor da trilogia Elementos para uma filosofia do trágico, reconhece o valor dos pensadores que, recusando a tradição, afirmam o pior. Conheça um pouco da teoria deste francês que será lançado no Brasil no segundo semestre deste ano. A filosofia, segundo a tradição, é um… Continue lendo “Discursos do silêncio” – Guilherme Castelo Branco

Perfil na Time Magazine: Cioran, “Visionário da Escuridão” – Paul Ress

Em meio às quase mil páginas dos Cahiers (cadernos) que Cioran manteve como um indispensável laboratório de ideias e exercício de estilo, encontram-se algumas notas sobre uma entrevista que ele teria dado a um jornalista norte-americano, enviado pela revista Time, na qual o autor romeno de expressão francesa, à essa altura já um autor renomado… Continue lendo Perfil na Time Magazine: Cioran, “Visionário da Escuridão” – Paul Ress

“A teologia de Pôncio Pilatos” – Luiz Felipe Pondé

Folha de S. Paulo, Caderno Mais!, 28 de março de 2004 Anti-semitismo no cristianismo é real e perigoso, mas é mais complexo que a idéia de que experimentar esteticamente a Paixão seja um discurso que força o ódio ao judeu Luiz Felipe Pondéespecial para a Folha Em meio à "floresta densa" do maior ou menor capital… Continue lendo “A teologia de Pôncio Pilatos” – Luiz Felipe Pondé

“A democracia criminosa” – Jacques Rancière

Folha de S. Paulo, Caderno Mais!, 28 de março de 2004 Há alguns meses apareceu na França um livro de título intrigante: "As Tendências Criminosas da Europa Democrática" ["Les Penchants Criminels de l'Europe Démocratique", ed. Verdier]. O autor, Jean-Claude Milner, não deixava os leitores ignorarem por muito tempo de qual crime a democracia era, segundo… Continue lendo “A democracia criminosa” – Jacques Rancière

“Os loucos de Cioran” – Ciprian Vălcan

Além da paixão entomológica com a qual registra todos os retratos dos loucos que encontra, Cioran dedica numerosas reflexões no sentido de apreender  as características da doença mental. Se o seu temor da loucura é decifrável sobretudo a partir dos fragmentos de temática intimista presentes nos Cahiers, que Cioran nunca cogitou publicar, há numerosas outras… Continue lendo “Os loucos de Cioran” – Ciprian Vălcan

“Emily Dickinson: Imagem, Ritmo, Pensamento” – Adalberto MÜLLER

Revista CULT, 4 de dezembro de 2015 Emily Dickinson está entre os poetas mais traduzidos da língua inglesa, depois de Shakespeare. Na França, por exemplo, é possível encontrar à venda, nas grandes livrarias, pelo menos três coletâneas assinadas por diferentes tradutores, além da poesia completa traduzida. Na Espanha, além das coletâneas, há três edições diferentes… Continue lendo “Emily Dickinson: Imagem, Ritmo, Pensamento” – Adalberto MÜLLER

“Um Cioran light, s’il vou plaît!” – Marcelo ALCARAZ

Jornal Relevo, ano 10, no 14, agosto de 2020 Nascido na Romênia e residindo boa parte de sua vida em Paris, Emil Cioran foi um grande ensaísta efilósofo. Publicado inicialmente no Brasil pela editora Rocco, tem, entres seus escritos, pérolas comoO silogismo da Amargura e Breviário da Decomposição, textos em que o pessimismo e a… Continue lendo “Um Cioran light, s’il vou plaît!” – Marcelo ALCARAZ