“A revolução tradicionalista de Olavo de Carvalho” – Michel GHERMAN

Um espectro ronda o mundo. Um espectro antigo, mofado, reacionário. Morto sem sequer ter vivido. Neste vídeo, Michel explora o Tradicionalismo, doutrina que une nomes da extrema-direita como Steve Bannon, Aleksandr Dugin e Olavo de Carvalho.

Michel Gherman é historiador, professor da UFRJ, coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Judaicos da universidade e pesquisador do Centro de Estudos de Israel e Sionismo da Universidade Ben Gurion. É diretor acadêmico do Instituto Brasil Israel.


CONTRAPONTO

“Buscar Deus fora do eu é cortejar os desastres do dogma, a corrupção institucional, a malfeitoria histórica e a crueldade. […] Os inimigos do gnosticismo o têm confundido com todo tipo de ideologia moderna, mas supõe-se que os amigos são os que mais danos lhe causam. […] O gnosticismo, então e agora, em minha opinião, se levanta como um protesto contra a fé apocalíptica, mesmo quando o faz dentro de uma dessas fés, como fez sucessivamente no judaísmo, cristianismo e Islã. A religião profética torna-se apocalíptica quando a profecia falha, e a religião apocalíptica torna-se gnóstica quando o apocalipse falha, como felizmente sempre falhou e, devemos esperar, voltará a falhar.”

BLOOM, Harold, Presságios do milênio: anjos, sonhos e imortalidade. Trad. de Marcos Santarrita. Rio de Janeiro: Objetiva, 1996.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s