“O imenso sentido do que não tem nenhum valor” – Julio CABRERA

Philósophos, 11 (2) : 331-365, ago./dez. 2006

(Réplica a Paulo Margutti: “Sentido da vida e valor da vida: uma diferença crucial?” Philósophos, v. 9, nº 1, 2004).

A mútua “imbricação” de sentido e valor não elimina a diferença crucial! (Réplica a Wittgenstein e Aurélio).

A experiência básica da diferença crucial entre sentido e valor da vida humana é simples: a dor presente em toda vida humana pode despojá-la de valor (sensível e moral), mas não de sentido na medida em que podemos entender perfeitamente a nossa miséria sem deixar de sofrê-la. É tão simples quanto isso. Pode ser-nos perfeitamente inteligível algo que nos atormenta: o problema não será, pois, o sentido, mas o valor. Isso parece tão óbvio que não entendo o que tenha que ser discutido. É claro que os termos “sentido” e “valor” têm que ser entendidos como eu os entendo em meu texto (nas páginas 7 a 9 de meu artigo. Ver bibliografia) e não como o dicionário Aurélio os entende ou como Wittgenstein os entende. Isso também deveria ser óbvio. Se as definições básicas não são mantidas, teremos outras teses diferentes das minhas, e nada terá sido “refutado”. Apenas o crítico terá formulado seu desconforto com as noções básicas das quais, uma vez aceitas, decorrerá fatalmente o resto. Mas mesmo que os termos do problema fossem tomados nos sentidos em que eu os defino, a tese de sua diferença crucial nunca pretendeu ser a tese de sua separação, como Margutti parece pensar o tempo todo: jamais neguei que sentido e valor tivessem intensas relações mútuas (portanto, as supostas “contradições” apontadas triunfalmente nas págs 42 e 51 não existem), relações que não eliminam a diferença crucial, aquela ligada com a experiência primordial antes referida… [PDF]

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s